Moises

imagem-mestre

Moisés (em hebraico: מֹשֶׁה; moderno: Moshe tiberiano: Mōšé; em grego: Mωϋσῆς, Mōüsēs; em árabe: موسىٰ, Mūsa); que significa tirado das águas; foi um líder religioso, legislador e profeta, a quem a autoria da Torá é tradicionalmente atribuída. Ele é um dos profetas mais importantes do Judaísmo e do Cristianismo, e igualmente reconhecido pelo Islamismo, assim como em outras religiões.

É o grande libertador dos Hebreus, tido por eles como seu principal legislador e um dos mais importantes lideres religiosos. A Bíblia o denomina o «mais humilde do que todos os homens que havia sobre a face da terra» (Números 12:3). Também é considerado um grande profeta pelos muçulmanos.

De acordo com a Bíblia e a tradição judaico-cristã, Moisés realizou diversos prodígios após uma Teofania. Libertou o povo israelita da escravidão no Antigo Egito, tendo instituído a Páscoa Judaica. Depois guiou o seu povo através de um êxodo pelo deserto durante quarenta anos, que se iniciou através da famosa passagem em que Moisés abre o Mar Vermelho, para possibilitar a travessia segura dos filhos de Israel. Ainda segundo a Bíblia, recebeu no alto do Monte Sinai as Tábuas da Lei de Deus, contendo os Dez Mandamentos.